InícioRegistrar-seConectar-se
Conectar-se
Nome de usuário:
Senha:
Conexão automática: 
:: Esqueci minha senha
Últimos assuntos
» Facebook Glee Page
glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyQua Mar 19, 2014 5:19 pm por gleepage

» Hey Guys!!
glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptySab Out 19, 2013 1:35 pm por BlaineAnderson

» Twitter/Rpg
glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptySeg Jun 17, 2013 5:23 pm por BlaineAnderson

» hey there! :)
glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyQua Mar 20, 2013 11:14 pm por heatty7

» 3x19 - Prom-asaurus
glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyTer Mar 12, 2013 4:28 pm por gleeaisslms

» i'm new ihihih
glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptySab Fev 09, 2013 7:41 pm por sararibeiro

» Grupo de Dança/Teatro Lisboa - Junta-te!
glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptySab Jan 26, 2013 3:30 pm por hugo_16

» It's show time!
glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptySex Dez 28, 2012 2:49 pm por MysticalOdille

» Season 4 [Discussão]
glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyQua Dez 19, 2012 9:16 pm por RodrigooF

Parcerias
{twilighters portugal}
{séries da tv}
{fanfic portugal}
{portugal creative}
{true blood portugal}
{circus fórum}
{tvd portugal}
{clipremierevents}
{kristen stewart portugal}
{rpg v-portugal}
{glee portugal (blog)}
{paramore community}
{logan lerman portugal}
{vanessa hudgens st portugal}
{bruno mars portugal}
{supernatural portugal}
{tvp pt}

 

 glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
AutorMensagem
Coop.
I came in first place!
I came in first place!
Coop.

Feminino Mensagens : 1800
Data de inscrição : 13/07/2010
Idade : 27

Gleeks area
Personagem: Rachel.
Cover: "defying gravity", "beth", "don't rain on my parade".
Team: Puckleberry ♥

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 5 (hate you) - NEW!!!   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyDom Ago 08, 2010 9:31 pm

Relembrando a primeira mensagem :

Não, ainda não tem nome xD tenho de pensar bem. muahah

Nome: ---
Personagens principais:
Claire Cooper & Noah 'Puck' Puckerman.
Personagens secundárias:
Barbara Davies, Christine McGregor, Rachel Berry, Finn Hudson, Jesse St. James.
Outras:
o resto do glee cast.
Sinopse:
No inicio do ultimo ano do secundário, Claire Cooper muda-se com a sua mãe de Los Angeles, California para Lima, Ohio. Antiga capitã das cheerleaders, Claire não está nada contente com a mudança de cidade e quer ser a "rapariga fantasma" e impopular na sua nova escola, McKinely High. Lá conhece pessoas "diferentes" e faz novos amigos, depara-se com uma realidade bastante oposta à dela e ainda consegue perceber que o amor se pode encontrar nos lugares mais improvaveis.

notas: esta fic é pós season1. por isso, estão todos no 11º ano. Smile


AS PERSONAGENS:

Claire Cooper:


Spoiler:
 

Barbara Davies:

Spoiler:
 

Christine McGregor:

Spoiler:
 

TRAILER:

fanfic from coop. on Vimeo.


(CLIQUEM para ver maior)
________________________________________________________________________________



Prólogo

McKinley High, Lima – Ohio.
O meu pesadelo mais recente. Quem é que neste mundo quer vir viver para Ohio? Por favor, aqui há estações! Estações! Certamente que isso não impediu a minha mãe de se mudar para cá uma semana após ter conseguido o divorcio do meu pai. Sim, à exactamente uma semana atrás os papeis foram assinados e o divorcio oficializado – finalmente! O único inconveniente de tal acontecimento foi mesmo a súbita vontade de a minha mãe se mudar para um sítio onde há quatro estações, onde há inverno… Inverno! Eu ia morrer!
Durante toda a minha vida fui a típica rapariga californiana: capitã das cheerleaders, popular, namorada do capitão da equipa de futebol – algo do qual me arrependo – e não exactamente uma aluna brilhante; e agora querem que vire uma tipica rapariga de Ohio? Que me junte às cheerleaders de McKinley High, campeãs nacionais, treinadas pela implacável Sue Sylvester? Nem pensar! Não o vou fazer. “E porque?”, perguntam vocês. Bem, porque aprendi uma valiosa lição: ser desconhecida é melhor que ser popular. Porque? Simplesmente, porque não temos nada a perder.
É essa a única coisa positiva que vejo na minha mudança para McKinley High: sou a nova aluna, desconhecida e impopular.
E é assim que pretendo continuar: escondida nas sombras, longe dos holofotes.
O meu nome é Claire Cooper e, um dia, vocês vão perceber a minha decisão.


____________________


Que acham? *-*


Puckleberry ♥️
glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Bvfzs





Última edição por Coop. em Dom Set 05, 2010 6:40 pm, editado 10 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://gleeportugal.forumeiros.com

AutorMensagem
Coop.
I came in first place!
I came in first place!
Coop.

Feminino Mensagens : 1800
Data de inscrição : 13/07/2010
Idade : 27

Gleeks area
Personagem: Rachel.
Cover: "defying gravity", "beth", "don't rain on my parade".
Team: Puckleberry ♥

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptySab Ago 21, 2010 1:00 am

Capitulo 3
duets

No dia seguinte, eu, a Barbara e a Chris fomos para a escola com gabardines. A sério! Daquelas coloridas e ridículas mas era melhor que voltar a levar com um granizado em cima da maquilhagem – delas – e das nossas roupas e cabelos. Além disso, eu já estava meia traumatizada – o que é normal, dado que foram dois num só dia. E dois pela mesma pessoa: o atrasado o Puckerman! E, mais uma vez, a minha mão não fez uma visita guiada à sua cara porque a Rachel se meteu novamente, levando-nos a todas até aos balneários onde nos arranjou camisolas novas e nos ajudou a limpar o cabelo. Ah! E sabem qual foi a melhor? É que ele teve a lata de me dizer “não sabia que eras tu” como se isso desculpasse o facto de andar a atirar Big Quenchs à cara das pessoas! Enfim, ainda hoje tive de respirar fundo dez vezes para não lhe mandar um pêro no seu abono de família quando me cruzei com ele no corredor. E estava ainda mais enervada porque tinha de levar com ele agora no glee club.
A Rachel tagarelava toda feliz à cerca do nosso primeiro trabalho que o Mr. Schue iria anunciar agora no ensaio do glee. Sinceramente? Eu já não estava muito entusiasmada por estar no glee e o meu entusiasmo tornou-se completamente negativo quando o Mr. Schue decidiu juntar-nos em pares para apresentarmos um dueto no final da semana e, por coincidência, o meu par calhou ser nem mais nem menos que – sim, é quem vocês estão a pensar – o Puck. Mal o Mr. Schue disse “e Claire o teu primeiro trabalho vai ser com o… Puck!”, eu senti o meu estômago contorcer-se e a ânsia de vomito chegou até a minha boca. Ok, estou a exagerar mas detestei a ideia. Também torci o nariz pela Barbara que ficou com a assanhada da Santana. Já a Chris ficou com o Kurt e pareceu gostar da ideia. A Rachel ficou com a Mercedes mas deu para reparar que preferia ter ficado com o Finn que, por sua vez, ficou com a Tina. De resto, a Quinn ficou com o Artie e o outro asiático ficou com o outro jogador de futebol – sinceramente, não me conseguia recordar nos nomes deles.
- E aqui estão as músicas que seleccionei para cada um de vocês – anunciou o Mr. Schue todo excitado – São todas de estilos completamente diferentes e a ideia é essa. Fazer uma espécie de… festival de estilos, na sexta à tarde.
- Mas temos jogo de futebol na sexta à noite
– relembrou o Puck.
Só a voz dele me irritava. Acham normal?
- E então? – inquiriu a Rachel.
- Temos de praticar! – respondeu ele.
- E as cheerios também – acrescentou a Quinn – Mas podemos tirar uma hora ou assim para apresentarmos as músicas.
- Mas temos de praticar durante a semana
– reclamou o ele, levantando-se.
- Puck – chamou o Mr. Schue – Se todos ensaiarem uma hora por dia, conseguem ter isto pronto na sexta.
Ele fez cara feia.
- Ok, como queiram – suspirou, sentando-se outra vez.
- Pronto, agora já estão todos resolvidos… Vou entregar-vos as vossas músicas – disse, começando a distribuir papéis.
Quando agarrei no papel que ele me entregou, nem quis acreditar.
- Esta é a minha música preferida! – exclamei, já mais entusiasmada. Mas o entusiasmo foi-se num instante quando me lembrei que tinha de a cantar com o Puck.
- A sério? – perguntou o Mr. Schue, meio céptico – Tens bom gosto. E parece que é mesmo suposto estares aqui connosco.
- Tipo destino!
– comentou a Rachel, com um grande sorriso.
Obriguei-me a sorrir. Mas qual destino?!
- Óptimo! – cantarolou o Mr. Schue – E se fizessem agora uma pequena festa para dar as boas vindas às nossas novas membras?
O Finn ergueu um sobrolho:
- Como assim?
O Mr. Schue abriu a boca para responder mas a Rachel precipitou-se:
- Cantamos para elas! Algo que tenhamos apresentado, não é, Mr. Schue?
- Exactamente, Rachel! É como se me lesses a mente.
- Deviam ler-me a minha
– resmungou o Puck baixinho, atrás de mim.
Não consegui resistir ao impulso e me virar para trás de lhe lançar um olhar de “mata-te”.
- A “dont stop believing” – sugeriu o Finn – É quase a nossa imagem de marca.
A Rachel alargou o sorriso e acenou afirmativamente com a cabeça. Quando o Mr. Schue piscou o olho à banda, a música começou.

Ao fim do dia, quando estava prestes a ir para casa com a Barbara e a Chris, o Puck apareceu-me à frente.
- Temos de falar – retorquiu, parecendo contrariado – E não faças essa cara, não gosto mais disto do que tu.
Suspirei e, lembrando-me de uma coisa, pisquei o olho á Barbara. Com isso, ela e a Chris deixaram-nos sozinhos e desapareceram da nossa vista.
Resolvi olha-lo de frente, já que não tinha saída possível.
- O que queres, Puckerman?
- Ham… Caso não tenhas reparado temos uma música para apresentar sexta à tarde.
- Tudo bem
– encolhi os ombros – Dividimos isto, tu trabalhas na tua parte e eu na minha e sexta juntamo-las e logo se vê como corre.
Ele semi-cerrou os olhos:
- Não queres ensaiar?
- Não
– respondi sem hesitar – Não quero fazer nada contigo. Logo, não vai haver ensaios. Não te preocupes que eu peço o teu mail à Rachel e mando-te a música dividida.
Preparei-me para ir embora antes que a Babs chegasse e a coisa corresse mal para o lado dele mas ele impediu-se, agarrando-me pelo braço.
- Se estás assim por causa do granizado, já te disse que não sabia que eras tu – desculpou-se novamente.
- E isso é desculpa?! – a minha voz elevou-se – Não é!
Ele cerrou o maxilar.
- Eu não sei porque é que continuo a fazer estas coisas – disse, parecendo debater-se interiormente – Não é quem sou sou… Já fui mas já não sou. Já não atiro pessoas para o lixo, o que é uma mudança. E isto com os granizados… também não. Por isso, não entendo porque o faço.
- Deixa-me tentar adivinhar: a Santana pede-te?

Ele sorriu torto:
- Ela não me pede! Não sou nenhum pau mandado. Ela persuade-me a fazê-lo
Revirei os olhos, imaginado qual seria a “persuasão”.
Ao fundo do corredor, vi a Babs a chegar com a preciosidade na mão.
- Ok, se não consegues… resistir à persuasão da namorada paciência! Mas vais arrepender-te.
Quis soar mais sombria do que soei mas já estava a rir-me por dentro.
- Namorada? – ecoou – Ela não
Para trazer ainda mais piada à minha pequena vingança a Santana juntou-se a nós e agarrou-o por um braço.
- Qual é a tua com esta miúda, Puck? – perguntou com desdém.
Ele suspirou:
- Vou fazer um trabalho com ela!
- E então? Vamos embora
.
Lançou-me um sorrisinho e arrastou-o na direcção contrária. Por sorte, a B. e a Chris já tinham chegado ao pé de mim e a B. passou-me o dito cujo, por trás das costas.
- Hey, Puckerman! – chamei, fazendo-o virar-se para mim.
Mal ele se virou, tirei a minha arma de trás das costas e no momento a seguir a minha vingança foi realizada e ele levou com um Big Quench na cara.
A Santana afastou-se tentando não se sujar e eu aproximei-me dele. Quando ele abriu os olhos, eu sorri feita cínica:
- What’s up, bonitinho?
Ele lançou-me um olhar hostil, o que me deu mais confiança para prosseguir. Aproximei-me mais dele, passando um dedo sobre os seus lábios e depois levei-o à boca.
- Melancia! – exclamei com falsa surpresa – O meu favorito!
O olhar dele tornou-se ainda mais furioso e por momentos até pensei que ele se ia virar a mim. Mas não o fez e, por sua vez, fê-lo a Santana. Ela bem tentou saltar-me em cima mas a Barbara deu-lhe um empurrão afastando-a.
- E não te atrevas a aproximar-te de mim – avisou a B. – Se me partes uma unha… estás morta.
A Chris também lhe lançou um sorriso sombrio e ameaçador.
Antes de lhes virar as costas, pisquei o olho ao Puck, fazendo-o estremecer de raiva.
Cá se fazem, cá se pagam.
Quando nos afastamos deles a Barbara reclamou:
- Estou mesmo a ver que o meu trabalho com ela vai ser perfeito.

O fim da semana chegou mais depressa do que o que eu esperava. Não tive de ensaiar com o outro – aliás, ele já nem me falava – e hoje íamos apresentar a música e olha… seja o que for. Estava neste momento, na sala do glee – embora ainda não tivesse tocado para entrar – com a Barbara. Estávamos à espera da Chris que, aparentemente, tinha algo em grande para nos contar.
- O que achas que é? – perguntou a Babs curiosa com a suposta noticia da Chris.
- Sei lá! Como queres que saiba?
Ela pareceu ficar pensativa:
- Hum… Será que pôs unhas de gel?
E pronto, imaginei-me como um daqueles bonecos japoneses quando lhes cai uma pinga gigante de água ou lá o que é aquilo na cabeça. Unhas de gel? Mas qual era a lógica?
Revirei-lhe os olhos e ela ignorou-me, continuando perdida nos seus pensamentos.
Uns instantes depois, a Chris entrou na sala a correr:
- Vocês NEM IMAGINAM o que me aconteceu! – guinchou, sentando-se ao pé de nós.
A Babs pegou-lhe numa mão:
- Oh, não puseste unhas de gel.
Dei-lhe um cachaço e virei-me para a Chris:
- Conta!
Ela sorriu toda excitada quando começou a falar:
- Então foi assim, eu fui a uma audição para um musical ali no teatro da cidade e sabem quem é que estava lá?
Como se tratava duma pergunta retórica, eu e a B. esperamos, de olhos arregalados pela curiosidade, que ela prosseguisse.
- O JESSE ST. JAMES! – berrou, fazendo-nos encolher.
Ergui um sobrolho:
- Quem?
- É jeitoso?
– perguntou a Barbara, fazendo-me rir.
A Chris lançou-lhe um olhar ameaçador, bem como quem diz “é meu!”. E depois virou-se para mim.
- Era a voz principal dos Vocal Adrenaline – explicou, ligeiramente ofegante – Ele é lindo! Lindo e super talentoso! E fez a audição comigo, se bem que me rejeitaram mas…
- Oh, lamento, Chris
– interrompi – Fica para a próxima.
- Shhh! Ainda não acabei
– ralhou – Mas eu não me importei porque ele sugeriu que começássemos a praticar juntos todas as semanas e já marcamos o primeiro ensaio e tudo!
Pisquei os olhos, tentando compreender tanto entusiasmo:
- Wow, a sério? Isso é bom, certo?
- Claro que é bom
– respondeu a Babs por ela – Não se vê logo que a Chris está toda babada?
Ela lançou-lhe um sorriso amarelo:
- Por acaso, estou mesmo. Ele é mesmo sexy e tem uma voz maravilhosa.
- Quero conhecer esse tal de… Jesse
– retorqui, piscando o olho – E ver se é assim tão lindo e talentoso.
- Ele é lindo mas não creio que seja o teu género
– riu-se – Não tem mohawks nem nada do género.
A Barbara riu-se com ela e eu lancei-lhe um olhar hostil.
- Nem atira granizados à cara das pessoas – acrescentou a Chris.
- Não tem piada – rosnei – E nem sei do que é que vocês estão a falar.
- Ai, que és tão inocente
– zombou a Barbara – Começa com um “P” e acaba em “uckerman”.
A sorte delas, foi que a campainha tocou nesse momento e que o resto do pessoal começou a entrar na sala, caso contrário eu ia fazer muito mais que rosnar.
A Rachel dirigiu-se nós e começou a tagarelar nem sei bem sobre o que. O Finn também veio conversar connosco. E, quando entrou, o Puck olhou-me trombudo e sentou-se na outra ponta da sala, tirando a sua guitarra e começando a afina-la. Obriguei-me a desviar o olhar dele e encontrei o da Quinn, que me observava de uma maneira esquisita… Parecia chateada com alguma coisa.
“Mas qual é o problema das raparigas desta escola?”, resmunguei com os meus botões.
- Bom tarde, pessoal – assobiou o Mr. Schue entrando na sala – Estou ansioso para ouvir os vossos duetos! Estão prontos?
Toda a gente disse “sim” em coro e ele exibiu um largo sorriso.
- Então, quem é o primeiro?
A Rachel foi a primeira a oferecer-se e nos minutos que se seguiram usufruímos de um grande espectáculo com a sua voz linda e única e a voz poderosa da Mercedes misturadas. Foi lindo de se ver, acreditem. Se bem que eu achava a voz da Mercedes vulgar mas tinha de admitir que era forte e juntamente com a voz da Rachel… foi mágico. Outro a que foi lindo de assistir foi a Chris e o Kurt a cantar a “take me or leave me” do musical RENT. O Kurt tem uma voz excelente e a Chris não lhe ficou nada atrás. A actuação mais cómica foi mesmo a da Barbara e da Santana porque lhes calhou uma musica que era… perfeita para elas: a “maneater” da Nelly Furtado. Então foi engraçado porque as duas estavam a utilizar a letra para se insultarem uma a outra, só vendo. E, por outro lado, também a cantaram lindamente.
O meu estômago até se encolheu quando o Mr. Shue nos chamou a mim e ao Puck para apresentarmos a nossa música. Sem hesitar, ele pegou na guitarra, levou um banco e sentou-se à frente do resto das pessoas. Eu fui para o seu lado, ficando meia de frente para ele.
- Ora aí está um dueto pelo qual eu estou ansioso – comentou o Mr. Schue – A música é linda.
Claro que era linda! Era a minha preferida por alguma razão: “honey and the moon” do Joseph Arthur.
Um minuto depois, o Puck começou a tocar a melodia na guitarra e eu fiquei de boca aberta pois não estava nada à espera que ele o fizesse. Mas fiquei realmente boquiaberta quando a boca dele se abriu e começou a cantar:

Spoiler:
 

Don't know why I'm still afraid
If you weren't real I would make you up
now
I wish that I could follow through
I know that your love is true
And deep
As the sea


But right now
Everything you want is wrong,
And right now
All your dreams are waking up,
And right now
I wish I could follow you
To the shores
Of freedom,

Where no one lives.

Remember when we first met
And everything was still a bet
In love's game
You would call; I'd call you back
And then I'd leave
A message
On your answering machine


But right now
Everything is turning blue,
And right now
The sun is trying to kill the moon,
And right now
I wish I could follow you
To the shores
Of freedom
,
Where no one lives

Freedom
Run away tonight
Freedom, freedom
Run away
Run away tonight


We're made out of blood and rust
Looking for someone to trust
Without
A fight

I think that you came too soon
You're the honey and the moon
That lights
Up my night


But right now
Everything you want is wrong,
And right now
All your dreams are waking up,
And right now
I wish that I could follow you
To the shores
Of freedom
Where no one lives


Freedom
Run away tonight
Freedom freedom
Run away
Run away tonight


We got too much time to kill
Like pigeons on my windowsill
We hang around

Ever since I've been with you
You hold me up
All the time I've falling down


But right now
Everything is turning blue,
And right now
The sun is trying to kill the moon,
And right now
I wish I could follow you
To the shores
Of freedom
Where no one lives

Mal acabamos de cantar eu fiquei, novamente e literalmente de queixo caído, por duas razões: primeiro porque correu lindamente bem e foi estupidamente intenso, tão intenso que não desviei o olhar do seu e vice-versa; e segundo, porque… senti alguma coisa. Algo que não imaginei ser possível de sentir com ele. Quer dizer, eu achava-o um idiota e odiava-o mas… mas agora acabar de o ouvir cantar. E ele era… maravilhoso. Tinha uma voz espantosa e o facto de acompanhar com a guitarra só o tornava melhor. E foi isso, quando o ouvi cantar senti algo no meu estômago – e não, não foi ânsia de vómito. Subitamente, reparei que estava a suster a respiração e que ainda o fitava nos olhos. Desviei o olhar, sentindo-me muito quente e expirei o ar que tinha armazenado nos pulmões.
De repente, o Mr. Schue resolveu começar a bater palmas. Wow, afinal parecia que não tínhamos acabado de cantar a tanto tempo como eu imaginava. Engoli a seco e forcei um sorriso quando – quase – toda a gente começou também a bater palmas.
- Estão de parabéns, meninos – felicitou o Mr. Schue – Vês como com ensaios sai tudo bem, Puck?
Fiz um esgar, dado que não ensaiamos nada juntos.
- Foi um 9 – observou o Mr. Schue – Precisamos de um 10 e temos um número para os regionais este ano.
Arregalei os olhos, chocada e apavorada com a possibilidade de ele querer mesmo que nós cantemos isto nos regionais.
- E porque não usa-lo nas selectivas? – inquiriu a Mercedes, com uma pontada de inveja.
- Porque foi bom demais para ser usado apenas nas selectivas – respondeu o Mr. Schue, sorrindo-me.
Sorri-lhe também, ligeiramente atrapalhada. Erguei o olhar de novo para o Puck e vi que ele ainda me fitava de maxilar cerrado. Voltei a engolir a seco, sentindo-me intimidada com a sua posição. Vi que ele fez o mesmo e depois desviou o olhar, levantando-se, sorrindo agradecido aos outros e voltou a sentar-se no seu lugar. Resolvi que também estava na hora de me levantar e ir sentar-me ao pé das minhas amigas. Quando o fiz elas lançaram-me olharzinhos macabros e fizeram-me olhinhos com as sobrancelhas, que eu fiz por ignorar. Nem me atrevia a olhar para a Santana.
O resto do pessoal continuou a apresentar os seus duetos e, de vez em quando, eu não conseguia evitar olhar de esguelha para o Puck que mantinha o olhar fixo nas pessoas que estavam a cantar. Parecia concentrado mas a sua testa denotava uma ligeira ruga de preocupação.
Suspirei frustrada e decidi prestar atenção nos meus colegas.
____________________________________________________________________

então? gostaram? :$


Puckleberry ♥️
glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Bvfzs



Voltar ao Topo Ir em baixo
https://gleeportugal.forumeiros.com
AxeGirl
Cheerleader
Cheerleader
AxeGirl

Feminino Mensagens : 411
Data de inscrição : 17/07/2010
Idade : 27
Localização : Porto

Gleeks area
Personagem: Jesse St. James
Cover: Highway to Hell
Team: Jesse!

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptySab Ago 21, 2010 1:16 am

Lindo *.* mas pequeno xD

.Só com o facto de ter RENT já me deixa babada Razz

.E tu incluiste o Jesse...o meu...absolutely handsome...Jesse!

*morre*
*resuscita*

Enfim.

.A Barbara com aquela coisa das unhas de gel foi hilarious xD mesmo estranho.

.Gostei a vingança da Claire! Engole Puckerman ^^


Moar! (mal acabaste de escrever e já te melgo Razz sabes que sou fã...em todas as fics Very Happy )
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ritita Browneyes
loser!
loser!
Ritita Browneyes

Feminino Mensagens : 328
Data de inscrição : 21/07/2010
Idade : 24
Localização : Lisboa

Gleeks area
Personagem: Santana
Cover: The boy is mine
Team: Puck (para ela) Jesse (para miim!)

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptySab Ago 21, 2010 1:24 pm

Fantástico! Adorei! Smile

Granda Claire fogo o Puck estava a mercer levar com um Big Quench na cara!!!! E senti uma ligeira pena por a santana não ter levado com um também :O

Adorei as ideias dos duetos, escolheste mesmo muito bem! Wink

Mais mais mais mais mais mais mais.... xD
Voltar ao Topo Ir em baixo
bábs
GLEEK
GLEEK
bábs

Feminino Mensagens : 2594
Data de inscrição : 17/07/2010
Idade : 27
Localização : almada

Gleeks area
Personagem: Mike's Abs
Cover: Bad Romance
Team: Mikara \m/

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyDom Ago 22, 2010 11:34 am

OMG coop maria, tu fazes-me pior do que aquilo que eu realmente sou xD mas prontes, ao menos ainda bem que divertes as pessoas com o meu love por unhas de gel ._. é assim, eu acho que a B e a Cris deviam ter levado 2 granizados, assim enquanto a claire atirava um ao puckie, elas atiravam um á santana, e era freaking awesome *.* acho que não é preciso dizer, que adorei a B a ameaçar a santana, right? i mean, she's so bad <3 e pronto, a cris e o jesse 444, estou a ver que vai dar coisa, estou estou muahahah. ao menos isso, ele está com a cris e não parte mais ovos na cabeça de ninguém :c DEPOIS, adorei os duetos <3 apesar de eu não ser nenhuma maneater, achei que a B da fic até tenta ser um bocado, js (a) btw, PUCLAIRE 4EVER (L) são tão fofos a serem maus um para o outro *.* adoro relações amor-ódio, for realls. quando á mais honey? :3
lyouuuuuu <3
Voltar ao Topo Ir em baixo
BabsBubblegum
Sex Master
Sex Master
BabsBubblegum

Feminino Mensagens : 992
Data de inscrição : 19/08/2010
Idade : 27

Gleeks area
Personagem: Rachel Berry ♥
Cover: I Feel Pretty/ Unpretty, Defying Gravity, Smile
Team: Faberry

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyTer Ago 24, 2010 9:52 pm

Wow, comecei a ler há bocadinho e adorei!!! a sério!
Razões porque ADORO:
1 - uma das personagens chama-se Bárbara como eu!
2 - incluiste o Jesse
3 - as personagens são tipo idênticas ao que vemos na série
4 - adoro relações amor-ódio
5 - eles cantaram uma música do Rent!

Adorava mesmo se num dos próximos capítulos o Jesse começasse a andar com a Chris mas depois ela o apresentasse à Barbara e ele ficasse caídinho por ela. Very Happy
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://babs.blogs.sapo.pt
bábs
GLEEK
GLEEK
bábs

Feminino Mensagens : 2594
Data de inscrição : 17/07/2010
Idade : 27
Localização : almada

Gleeks area
Personagem: Mike's Abs
Cover: Bad Romance
Team: Mikara \m/

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyTer Ago 24, 2010 11:05 pm

BabsBubblegum escreveu:
Adorava mesmo se num dos próximos capítulos o Jesse começasse a andar com a Chris mas depois ela o apresentasse à Barbara e ele ficasse caídinho por ela. :D
ewwwwh não, a barbara e o jesse? :| não pode acontecer coop, like, never xD
Voltar ao Topo Ir em baixo
Coop.
I came in first place!
I came in first place!
Coop.

Feminino Mensagens : 1800
Data de inscrição : 13/07/2010
Idade : 27

Gleeks area
Personagem: Rachel.
Cover: "defying gravity", "beth", "don't rain on my parade".
Team: Puckleberry ♥

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyTer Ago 24, 2010 11:17 pm

BabsBubblegum escreveu:
Wow, comecei a ler há bocadinho e adorei!!! a sério!
Razões porque ADORO:
1 - uma das personagens chama-se Bárbara como eu!
2 - incluiste o Jesse
3 - as personagens são tipo idênticas ao que vemos na série
4 - adoro relações amor-ódio
5 - eles cantaram uma música do Rent!

Adorava mesmo se num dos próximos capítulos o Jesse começasse a andar com a Chris mas depois ela o apresentasse à Barbara e ele ficasse caídinho por ela. Very Happy

awww, obrigada por leres *-* e ainda bem que adoras-te :3
but a B. e o Jesse? No way! a Barbara matava-me Neutral né, B.? xD e a Chris fazia pior ._.
thaaaanks again :')

e OBRIGADA A TODAS I love you


Puckleberry ♥️
glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Bvfzs



Voltar ao Topo Ir em baixo
https://gleeportugal.forumeiros.com
bábs
GLEEK
GLEEK
bábs

Feminino Mensagens : 2594
Data de inscrição : 17/07/2010
Idade : 27
Localização : almada

Gleeks area
Personagem: Mike's Abs
Cover: Bad Romance
Team: Mikara \m/

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyTer Ago 24, 2010 11:25 pm

sim, eu matava-te c, sem dúvida alguma xD
Voltar ao Topo Ir em baixo
AxeGirl
Cheerleader
Cheerleader
AxeGirl

Feminino Mensagens : 411
Data de inscrição : 17/07/2010
Idade : 27
Localização : Porto

Gleeks area
Personagem: Jesse St. James
Cover: Highway to Hell
Team: Jesse!

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyQua Ago 25, 2010 1:47 am

Oh yes...eu fazia mesmo pior. Fazia-te viver para toda a eternidade para te torturar todos os dias! xD

Jesse is mineeee Razz

@BabsBubblegum se gostas de RENT só podes ser awesome xD hahaha é viciante *.*
Voltar ao Topo Ir em baixo
BabsBubblegum
Sex Master
Sex Master
BabsBubblegum

Feminino Mensagens : 992
Data de inscrição : 19/08/2010
Idade : 27

Gleeks area
Personagem: Rachel Berry ♥
Cover: I Feel Pretty/ Unpretty, Defying Gravity, Smile
Team: Faberry

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyQua Ago 25, 2010 9:29 am

AxeGirl escreveu:
@BabsBubblegum se gostas de RENT só podes ser awesome xD hahaha é viciante *.*

Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://babs.blogs.sapo.pt
Coop.
I came in first place!
I came in first place!
Coop.

Feminino Mensagens : 1800
Data de inscrição : 13/07/2010
Idade : 27

Gleeks area
Personagem: Rachel.
Cover: "defying gravity", "beth", "don't rain on my parade".
Team: Puckleberry ♥

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyQua Ago 25, 2010 4:35 pm

trailer no primeiro post +.+ sucka mas espero que gostem <3


Puckleberry ♥️
glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Bvfzs



Voltar ao Topo Ir em baixo
https://gleeportugal.forumeiros.com
BabsBubblegum
Sex Master
Sex Master
BabsBubblegum

Feminino Mensagens : 992
Data de inscrição : 19/08/2010
Idade : 27

Gleeks area
Personagem: Rachel Berry ♥
Cover: I Feel Pretty/ Unpretty, Defying Gravity, Smile
Team: Faberry

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyQua Ago 25, 2010 5:08 pm

Coop. escreveu:
trailer no primeiro post +.+ sucka mas espero que gostem <3

Está bloqueado Sad Não podes escrever "Glee" no título do vídeos senão eles apagam logo o vídeo por causa daquilo dos direitos de autor.
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://babs.blogs.sapo.pt
AxeGirl
Cheerleader
Cheerleader
AxeGirl

Feminino Mensagens : 411
Data de inscrição : 17/07/2010
Idade : 27
Localização : Porto

Gleeks area
Personagem: Jesse St. James
Cover: Highway to Hell
Team: Jesse!

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyQua Ago 25, 2010 5:23 pm

BabsBubblegum escreveu:
AxeGirl escreveu:
@BabsBubblegum se gostas de RENT só podes ser awesome xD hahaha é viciante *.*

Spoiler:
 

Aaaaaaaaaaah *.* beautiful Razz


Coop, quero ver *.* fix it
Voltar ao Topo Ir em baixo
Coop.
I came in first place!
I came in first place!
Coop.

Feminino Mensagens : 1800
Data de inscrição : 13/07/2010
Idade : 27

Gleeks area
Personagem: Rachel.
Cover: "defying gravity", "beth", "don't rain on my parade".
Team: Puckleberry ♥

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyQua Ago 25, 2010 5:24 pm

BabsBubblegum escreveu:
Está bloqueado Sad Não podes escrever "Glee" no título do vídeos senão eles apagam logo o vídeo por causa daquilo dos direitos de autor.

ai é? não sabia Surprised vou tentar sem por isso xD


Puckleberry ♥️
glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Bvfzs



Voltar ao Topo Ir em baixo
https://gleeportugal.forumeiros.com
bábs
GLEEK
GLEEK
bábs

Feminino Mensagens : 2594
Data de inscrição : 17/07/2010
Idade : 27
Localização : almada

Gleeks area
Personagem: Mike's Abs
Cover: Bad Romance
Team: Mikara \m/

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyQua Ago 25, 2010 5:25 pm

QUERO VER, MOVE YOUR ASS
Voltar ao Topo Ir em baixo
AxeGirl
Cheerleader
Cheerleader
AxeGirl

Feminino Mensagens : 411
Data de inscrição : 17/07/2010
Idade : 27
Localização : Porto

Gleeks area
Personagem: Jesse St. James
Cover: Highway to Hell
Team: Jesse!

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyQui Ago 26, 2010 4:04 am

Que trailer lindo *.*

Puseste a minha cena preferida do Jesse, quando ele aparece na biblioteca. Até parei de respirar durante um bocado xD hahaha a cara da Chris a olhar para ele é basicamente a que eu faria (minus the drool)

E captaste um Puck muito sexy *baba*
A Claire é awesome.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ritita Browneyes
loser!
loser!
Ritita Browneyes

Feminino Mensagens : 328
Data de inscrição : 21/07/2010
Idade : 24
Localização : Lisboa

Gleeks area
Personagem: Santana
Cover: The boy is mine
Team: Puck (para ela) Jesse (para miim!)

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyQui Ago 26, 2010 9:04 am

Oh o trailler está tão querido!!!!

O Puck e a Claire ficam super fofinhos juntos Very Happy
Adorei preincipalmente quando ja mesmo no fim aparece a santana toda lixada eheh, que must!

Mal posso esperar pelo novo capítulo, meu deus!
Voltar ao Topo Ir em baixo
BabsBubblegum
Sex Master
Sex Master
BabsBubblegum

Feminino Mensagens : 992
Data de inscrição : 19/08/2010
Idade : 27

Gleeks area
Personagem: Rachel Berry ♥
Cover: I Feel Pretty/ Unpretty, Defying Gravity, Smile
Team: Faberry

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyQui Ago 26, 2010 10:50 am

OMG, adorei!!! Very Happy
Está tão lindo *.* E o Puck está tão sexy. Escolheste superbem os clips dele. E pera, pelo que percebi do vídeo a Bárbara vai fazer com que o Finn e a Rachel se separem? Yay!
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://babs.blogs.sapo.pt
bábs
GLEEK
GLEEK
bábs

Feminino Mensagens : 2594
Data de inscrição : 17/07/2010
Idade : 27
Localização : almada

Gleeks area
Personagem: Mike's Abs
Cover: Bad Romance
Team: Mikara \m/

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyQui Ago 26, 2010 11:43 am

BabsBubblegum escreveu:
E pera, pelo que percebi do vídeo a Bárbara vai fazer com que o Finn e a Rachel se separem? Yay!
adorava que isso acontecesse, js (a) mas tenho a certeza que a monga da rachel dava um soco na barbara e prontes, ko barbara. xD
enfim c, já sabes que adorei o video, deu muito bem para captar a essência da fic, e isso é que é bom :3 loveyou e quero capítulo rápido <3
Voltar ao Topo Ir em baixo
Coop.
I came in first place!
I came in first place!
Coop.

Feminino Mensagens : 1800
Data de inscrição : 13/07/2010
Idade : 27

Gleeks area
Personagem: Rachel.
Cover: "defying gravity", "beth", "don't rain on my parade".
Team: Puckleberry ♥

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptyQui Ago 26, 2010 7:57 pm

awwww, que lindas +.+ ainda bem que gostaram :'D estava com medo que nao gostassem Neutral
vou ver se escrevo agora ##


Puckleberry ♥️
glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Bvfzs



Voltar ao Topo Ir em baixo
https://gleeportugal.forumeiros.com
Coop.
I came in first place!
I came in first place!
Coop.

Feminino Mensagens : 1800
Data de inscrição : 13/07/2010
Idade : 27

Gleeks area
Personagem: Rachel.
Cover: "defying gravity", "beth", "don't rain on my parade".
Team: Puckleberry ♥

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptySex Ago 27, 2010 12:44 am

capitulo 4
party

Um ruido colectivo de desgosto e frustração ecoou pela multidão. A nossa equipa estava a perder por dois. Sim, vim com o resto do pessoal assistir ao jogo de futebol – contrariada! ”E contrariada porque?”, perguntam vocês. Ora, por duas razões: a primeira era porque o outro… o Puck, estava a jogar e só de vê-lo ali no campo provocava em mim várias reacções e a segunda, também muito incomodativa, era ter de levar com as cheerleadres a dançar à minha frente. Não conseguia tirar os olhos delas e sentia-me completamente nostalgica. Se voces soubessem o quão me tive de controlar para não saltar lá para a frente, roubar uns pom-põns e começar a dançar… Mas não podia faze-lo, por muito que quisesse.
O intervalo não tardou a chegar e quando chegou, a Babs e a Chris aproveitaram para ir à casa de banho. Eu fiquei com a Rachel, o Mr. Schue, com a Tina e o Artie nas bancadas. Pouco depois a Quinn – que estava a olhar fixamente para mim – acenou-me com a cabeça, eu acenei de volta e ela chamou-me. Fez-me sinal para ir lá a baixo ter com ela e com as outras cheerios. Fiquei atrapalhada, sem saber o que fazer.
- Olha a Quinn está a chamar-te – observou a Rachel, forçando-me a levantar e a ir ter com ela.
Desci as bancadas, condenando a Rachel ao inferno. Oh, coitada estou a ser má, eu sei.
Quando lá cheguei a Quinn dirigiu-se a mim.
- Posso-te perguntar uma coisa? – inquiriu, mal me alcançou.
- Ham… Claro que sim – respondi, meia desonfiada.
- Já foste cheearleader?
Senti o sangue a fugir-me da cabeça. Ela deve ter percebido que me deixou atrapalhada, pelo que interviu:
- Só pergunto isto porque vejo a maneira como olhas para nós… Era como eu olhava quando a Sue me expulsou das cheerios no ano passado.
Engoli a seco e esforcei-me para parecer normal e relaxada.
- Já ouvi sobre isso – comentei, numa tentativa ridicula de mudar de assunto.
- Mas foste? – insistiu – Dá-nos sempre jeito ter mais uma cheerio na equipa.
Estava decidida a pensar numa desculpa decente e convincente mas a voz da Santana fez-me congelar:
- Por favor, Q.! Ela não tem prefil de cheerio. Tem prefil de quem tentou ser cheerio e falhou.
E pronto, foi a gota de agua e um institinto primitivo de cheerleader fez o meu corpo virar. Encarei-a de frente, com expressão mais bitchie que consegui.
- Tens a certeza disso?
Ela ergueu um sobrolho e a Quinn fez por conter um sorriso.
- O quê? – perguntou ela, fingindo-se de chocada – Foste cheerio na tua outra escola?
Lancei-lhe um sorriso cinico:
- Talvez.
O seu olhar de troça cessou por uns momentos.
- Está tudo bem, C.? – perguntou a Chris, que entretanto se juntara a nós, com a Barbara e a Rachel.
Ninguém lhe respondeu e quando voltei a olhar para a Santana ela já sorria novamente toda empinada.
- Então se “talvez” foste cheerleader – começou, aproximando-se de mim – Sobe para o banco e dá um mortal.
Desta vez foi o meu sorriso que cessou . Claro que eu sabia fazer um mortal - de olhos fechados até! – mas não o podia fazer aqui à frente desta gente toda e deixar-me comprometer.
- JÁ FOSTE CHEERLEADER? – berrou a Barbara, fazendo-nos a todos saltar de susto.
Não lhe respondi porque não lhe queria mentir mas também não podai dizer a verdade.
- O que se passa aqui? – a voz do Puck soou atras das cheerios todas, que abriram espaço para ele e o Finn chegarem ao pé de nós.
- Está tudo bem, Rach? – ouvi o Finn perguntar-lhe.
A Barbara suspirou impaciente com eles ou comigo, não tenho a certeza.
- Está tudo bem – respondeu a Quinn – Podem voltar para o campo, que o jogo vai recomeçar não tarda nada.
Fiquei-lhe secretamente agradecida por os estar a tentar despachar, só não tinha certeza se o fazia para o meu bem.
Pelo canto do olho, vi o Puck a dirigir-se na minha direcção.
- Está tudo bem? – perguntou ligeiramente contrariado mas com uma pontada de preocupação na voz.
Revirei os olhos e virei-lhe a cara.
- Esta tudo optimo, Puck – replicou a Santana – A Claire só nos vai dar a honra de nos mostrar o que valia como cheerio.
- Cheerio?
– ecoou ele supreso – Cheerleader?
Mau! Mas qual era a surpresa de toda a gente com isso?! Começava a acreditar que a Santana tinha razão em dizer que eu não tinha prefil para tal.
- Sim – confirmou ela – Ia mesmo agora demonstrar-nos o seu talento com um mortal. Estamos à espera, querida.
Lancei-lhe um olhar ameaçador, que ela ignorou e depois observei todos à minha volta. A B. e a Chris olhavam-me preocupadas e cépticas; a Rachel e o Finn pareciam confusos; a Quinn curiosa; a Santana convencida de que eu não o conseguia fazer – assim como as outras cheerios; e o Puck… bem, esse também parecia preocupado e pouco recessivo, no entanto, sorriu-me, encorajando-me – o que me fez ficar de olhos esbugalhados.
Baixei os olhos para o chão, enquanto debatia interiormente. Se queria calar a convencida da Santana e dar essa “alegria” ao meu corpo? Claro que queria. Mas não me podia espor a isto tudo outra vez. Não sei porque carga de agua, voltei a olhar para o Puck – que ainda me olhava da mesma maneira – e suspirei, erguendo o olhar para a Santana.
- Não consigo – menti, sentindo-me super humilhada – Não consigo faze-lo. Nunca fui cheerleader.
Ela sorriu vitoriosa; a Quinn não pareceu convencida; o Puck pareceu desiludido – assim como a Barbara; a Chris, o Finn e a Rachel suspiraram. Virei-lhes as costas e dirigi-me ao meu lugar. Quando lá cheguei o Mr. Schue deu-me uma palmadinha no ombro – deve ter visto tudo, que vergonha! Depois dos outros se juntarem a mim e o jogo recomeçar, assistimos até ao fim sem qualquer precalço e como se nada se tivesse passado.
Acabamos por ganhar, no ultimo minuto e a toda a gente começou aos saltos a comemorar. A Rachel voou até ao campo para ir abraçar o Finn. Ao observa-los, o meu olhar avistou o Puck, que também estava todo tolo a comemorar. Quase sorri. Assim todo contente e sorridente, quase que parecia um tipo decente. Como se lhe dissessem: “olha tens a aluna nova a olhar fixamente para ti”, a cara dele voltou-se na minha direcção e o seu olhar encontrou o meu. Desviei o olhar, envergonhada e olhei para os outros jogadores. Isto estava lindo, estava.
Como, pelos vistos, a nossa equipa não ganhava muitas vezes, eles decidiram ir para casa do Kurt e do Finn – não, não são irmãos mas os pais namoram – festegar, já que a mãe do Finn e o pai do Kurt tinham ido viajar. Depois de eu frisar que não queria ir e deles me arrastarem até lá, que escolha tive eu? Fui arrastada – literalmente – pelo que fiquei. Aposto que se tentasse ir-me embora sorrateiramente disparava um alarme ou algo assim. Enfim. Para ser honesta, a festa até estava fixe. Estava lá montes de gente que eu desconhecia mas também muita conhecida como o pessoal do glee, do futebol e das cheerios. Quando eles decidiram todos ir beber, eu sentei-me num canto. Não queria beber mas, infelizmente, - como o que eu queria não parecia funcionar por aqui – a Barbara foi-me enfiando cervejas pela goela a baixo – quase literalmente – e quando dei por mim, já me estava a rir de tudo, inclusivé do Kurt que estava de cabeça para baixo enquanto lhe enfiavam a mangueira da cerveja pela boca. Já estava roxo, coitadinho.
- Ele vai morrer – observei, apontando para ele.
A Barbara e a Chris riram-se comigo.
- Secalhar deviamos ir salva-lo, não? – propus pondo-me de pé mas mal o fiz voltei a cair no sofa – Ups!
E desatamos a rir outra vez como se fosse a coisa mais comica de sempre. De repente, a Chris entalou-se e fitou a porta de olhos arregalados:
- OMG!
Eu e a B. olhamos para a porta para descobrir o que a fazia ficar assim. Estava lá um tipo qualquer que eu nunca tinha visto mais gordo e acenou à Chris.
- Nhee, até é giro – comentou a Barbara.
Fiz um esgar. Ai era? Não achava nada.
- É o Jesse! – informou a Chris, levantando-se num salto – Venho já… ou não.
Ela bem tinha dito que ele não era o meu genero. E correu na direcção dele. Ele brindou-a com um sorriso e beijou-lhe a bochecha. Ok, tenho de admitir que foi sensual a maneira como a beijou.
- Mais um que já tem dona – resmungou a Barbara, cruzando os braços no peito.
- Pensava que isso não te impedia – gozei.
- Oh, é a Chris! – justificou – É minha amiga e não lhe fazia isso. Mas se pensas que desisti do Finn porcausa da Rachel, estás enganada.
Abri a boca, ligeiramente chocada.
- E fazes isso à Rachel?! Ela é minha amiga.
- Amigo não empata amigo, Coop.! Não me vou atirar a ele à força… sei usar o meu charme bem.
- Pfff! Esta bem, esta bem!

Nesse momento, o outro asiático do glee aproximou-se de nós e sorriu à Barbara. Ela olhou-o de alto a baixo, fazendo-lhe olhinhos. Tossi para abafar uma gargalhada.
- Olá!... Mike? – cumprimentei, não tenho a certeza se era esse o nome dele.
- Olá – cumprimentou de volta, fazendo-me perceber que acertara no nome.
Depois virou-se novamente para a B.:
- Olá, Barbara. Queres dançar?
Ele estendeu-lhe a mão e ela agarrou no exacto momento:
- Ham…Claro!
Levantou-se, piscando-me o olho e foram para o meio da multidão dançar. Eu ainda me ria deles, quando reparei que o Kurt estava verde, deitado no chão e a gemer, fazendo-me rir ainda mais. Bebi o resto da minha cerveja de penalti e só depois disso é que me apercebi que tinha mesmo de ir à casa de banho… caso contrário, explodia. Levantei-me com dificuldade e depois de andar, sem exagero, uns cinco minutos perdida pela casa, encontrei a casa de banho. Depois de me aliviar, decidi ir para o jardim apanhar ar já que a Chris continuava a falar com o Jesse, a Barbara aos beijos com o outro e a Rachel a dançar com o Finn. Reparei que o Puck estava a fazer uma competição de playstation com os outros tipos da equipa de futebol e a Santana estava literalmente em cima dele, com as mãos por cima do seu peito. Senti-me enjoada e acho que não era a única, dado que a Quinn revirou os olhos na direcção deles e depois me sorriu. Sorri-lhe também e dirigi-me ao jardim, levando mais umas cervejas comigo.
Quando dei por mim, as cervejas já estavam vazias e eu estava sentada contra a parede a lutar para manter os olhos abertos. Eu nem sei porque me estava a dar para beber, nunca bebia. Acho que queria esquecer a humilhação de hoje e esquecer estes sentimentos estranhos que sinto quando vejo o outro anormal.
Estava mesmo quase, quase, quase a fechar os olhos, quando ouço uma voz familiar que fez o meu coração disparar:
- Claire?!
A muito custo, abri de novo os olhos deparando-me com ele.
- Hey, Puckerman – queria soar desprezível mas acho que soei… bem, bêbada.
Ele ajoelhou-se ao pé de mim, obrigando-me a olhar para ele com um olho aberto e outro fechado.
- Estás bêbada?
- Eu?! Claro que não!

Ele abafou uma gargalhada.
- Claro que não – zombou, agarrando-me por um braço – Anda, pelo menos, vem lá para dentro.
Ia protestar mas quando me apercebi já estava de pé. Estava tudo a andar a roda e eu desequilibrei-me, encostando-me à parede.
- Hey! – exclamou ele agarrando-me pela cintura – Estás bem?
Fiz por manter os olhos abertos e olhar para ele. Já disse que os olhos dele eram lindos? Abanei a cabeça para me concentrar e lhe responder. Qual era mesmo a pergunta?
- Claire? – chamou, tentando não se rir.
- Hum?!
- Estás bem?

Ah! Era essa a pergunta!
- Já estive melhor – reclamei – Esta parede magoa.
Não sei se foi imaginação minha mas acho que choraminguei.
Ele abafou uma gargalhada e desencostou-me da parede, chegando-me mais para ele. Uh, assim estava muito melhor. Estava com frio e o seu corpo emavanava calor.
“Ah, não Claire Cooper! Tu odeia-lo!”
- Vamos levar-te lá para dentro – disse ele, avançando um passo comigo.
- NÃO! – neguei com fervor, encostando-me novamente à parede – Não quero ir lá para dentro. Gosto de estar aqui!
Ele riu-se:
- Tudo bem, ficamos aqui.
- Ficamos?!
– ecoei – Eu e tu?
Porque é que a ideia me agradava tanto quando estava fora de mim?
- Achas que te vou deixar sozinha nesse estado? Ainda desmaias ou afogaste no teu próprio vomito ou assim.
Ew?!
- Isso era assim tão mau? – inquiri, fazendo por ficar mais consciente – Tu nem gostas de mim.
Não se via muito bem mas acho que ele revirou os olhos.
- Queres te sentar?
Neguei com a cabeça.
- Devias ir para casa.
Voltei a negar. Podia estar bêbada mas tinha consciência de que se chegasse assim a casa a minha mãe me matava.
- Quero uma cerveja – disse de repente.
Ele olhou-me com cara de mau.
- Que é?!
- Porque é que estás a fazer isto?
– perguntou confuso – Quer dizer, parecias toda responsável e isso tudo.
- Tenho os meus momentos
– refilei.
- Como me atirares com um Big Quench à cara?
- Foi vingança!
– justifiquei – E ainda estás em vantagem numérica.
Ele voltou a rir. Também gostava do riso dele.
- És das poucas pessoas que tiveram coragem de se vingar de mim – contou.
- Coragem? Que? As pessoas têm medo de ti?
Ele pensou no assunto:
- Não é bem medo de mim… Tem mais medo do que eu já fui.
- Como é que já foste, Puck?
- É a primeira vez que me chamas só Puck
– observou com um sorriso presunçoso.
Agora que pensava nisso, era verdade. Como ele já estava a ficar demasiado convencido, lancei-lhe um olhar de “responde à pergunta” e ele assim o fez:
- Hum… Era diferente.
- Para pior?
– interroguei cepticamente – É que é difícil!
Ele lançou-me um olhar ofendido e eu sorri-lhe como quem pede desculpa. Ele abanou negativamente a cabeça e fitou o chão.
- Tu não me assustas, Puck – admiti, fazendo-o olhar para mim.
- Não?
- Não.

Ele sorriu torto:
- Nada.
- Nadinha!
- Tens a certeza?

Mau! Onde é que ele queria chegar com isto?
Anui com a cabeça.
- Absoluta? – insistiu.
Resolvi pensar no assunto por uns momentos.
- Ok, talvez um bocadinho – confessei – Mas… mas não pelas mesmas razões que as outras pessoas.
Ele pareceu gostar da minha resposta, dado que sorriu divertido.
- Então, quais são as tuas razões? – inquiriu aproximando a cara da minha.
O meu coração cessou.
“Respira, Claire! Respira!”.
- Ham… Eu… Não…não interessa – gaguejei – Não são para aqui chamadas.
Ok, eu tinha de fugir dali rapidamente ou ainda lhe saltava em cima.
- Podes dizer, Cooper. Estou curioso.
Tinha de fazer alguma coisa. Pensei rápido e olhei para o céu:
- Olha um carro voador!!!
Ele olhou e eu escapuli-me porque estar entre ele e a parede era demasiado para o meu coraçãozinho bêbado.
Quando já estava a uns bons dois metros dele, ele olhou-me como se eu fosse doida. Exibi um sorriso amarelo:
- Ups! Claire burra! Afinal é um avião.
Ele semi-cerrou os olhos:
- Muito engraçada, ahah.
Ele avançou novamente na minha direcção e eu recuei um passo. Ele arquejou uma sobrancelha:
- Estás a fugir de mim?
Ups.
- Eu?! Claro que não!
Ele voltou a dar um passo para mim e eu recuei outra vez.
- Porque é que estás a fugir de mim?! Não te vou fazer mal, nem nada do género.
- Mas eu posso fazer
– murmurei, mais para mim do que para ele.
Ele soltou uma gargalhada e quando dei por ele, ele já estava mesmo ao pé de mim.
- Estás com medo do que possas fazer, Claire?
- Claro!
– guinchei – Estou bêbada.
- Mas eu não
.
Arregalei os olhos, engolindo a seco.
- Estou a brincar! – sossegando-me – Não te vou fazer nada.
Suspirei aliviada.
- Deixa-me pelo menos deitar-te lá dentro – persistiu.
Senti-me a sorrir.
- Sabes, se não fosses um idiota, um convencido e um anormal… eu até era capaz de gostar de ti.
Ele fez um “pff”, fazendo-me rir. Não sei porque senti uma necessidade estúpida – de pessoa bêbada – de observar muito bem o seu rosto. Afinal, a única vez que o tivera tão perto de mim, estava furiosa.
- O que foi? – questionou meio incomodado – Eu sei que sou lindo.
Suspirei frustrada e baixei o olhar. Ele tinha de estragar tudo e fazer-me sentir embaraçada?
- Ok, ok, vamos lá para dentro – pedi, ansiando por me livrar dele.
- Estranhamente, agora já não estou com vontade de ir lá para dentro – provocou-me, agarrando novamente a minha cintura e puxando-me para ele.
- Di…disseste que… não fazias nada – arfei.
Ele fez a sua expressão mais inocente e eu senti-me furiosa.
- Claro! Já devia estar a espera – reclamei, afastando-o bruscamente de mim.
- Calma, Cooper, estou a gozar contigo…
– Claro que estás!
– interrompi sendo sarcástica - Claro que já devia saber que um tipo como tu se ia aproveitar de um estranha bêbada.
- Um tipo como eu?!
- Sim! Tu tipo com a mania que é o mais bom da escola, com a mania que engata todas… Mas eu não sou dessas! Não… Não gosto de tipos como tu! Aliás! Odeio-os!

Ele cerrou o maxilar e pareceu ficar enfurecido. Óptimo! A ver se aprendia.
- Portanto, tu comigo pias fininho – continuei tentando soar agressiva – Porque eu sei muito bem o que é que tu deves fazer com as raparigas. Leva-las para a cama e deita-las fora. Pergunto-me se engravidaste alguma pelo caminho – divaguei – Não interessa! Queres armar-te em machão mas não passas de um falhado. De um otário que descarrega a frustração da sua vida a tratar as raparigas como lixo! Além disso…
- Ok, chega!
– exclamou, parecendo mesmo zangado.
Encolhi-me ligeiramente assustada quando ele me encostou à parede com excessiva violência.
- Tu não me conheces – rosnou baixinho – Não sabes NADA de mim para me estares aí a atacar.
- Estou enganada?!
- Tu não me conheces
– repetiu, com os olhos a vibrar de raiva.
- E sabes que mais? Não quero sequer conhecer – retorqui encolhendo os ombros – Não quero ter nada a ver contigo.
Ele aproximou-se ainda mais de mim – o que eu julgava impossível – e por momentos pensei que me ia bater. Engoli a seco e suspirei de alívio quando ele se afastou um bom bocado. O alívio foi-se mal ele se voltou novamente e rapidamente para mim e me agarrou pela cintura, colando-me a ele.
“Omg! Omg, por favor, não!”.
Ele olhou-me nos olhos e expirou, fazendo por se acalmar. Os seus olhos ainda estavam zangados. Ficamos assim por uns segundos: a olhar nos olhos um do outro, como se pudéssemos ver para além deles. Eu susti a respiração quando ele passou a língua nos lábios, humedecendo-os e vi-me obrigada a soltar o ar todos os meus pulmões quando ele se aproximou devagarinho de mim.
“Ai, não! Ai que eu ia ficar inconsciente ali!”
Ele parou a sua boca a milímetros da minha, dando-me tempo de recuar. Eu não me movi um milímetro porque estava ocupada demais a tentar controlar a respiração. Apercebendo-se que eu não recuava, ele encostou levemente os lábios aos meus e opa, eu não sou de ferro! Agarrei-o pelo pescoço e puxei-o para mim, levando a minha boca à sua. Quando as nossas línguas se encontraram eu senti-me como se estivessem a lançar foguetes à minha volta. Ridículo, eu sei. Ele também me apertou para ele, tão ou mais selvagem que eu. Ele voltou a encostar-me à parede e eu enrolei as minhas pernas à volta da sua cintura. Ok, não sei o que se passava comigo hoje mas o que quer se fosse estava a deixar-me louca. As suas mãos foram parar ao meu rabo e eu fui percorrida por um arrepio. Num impulso, fiz uma coisa que sempre quis fazer desde que o conheci: puxar-lhe a mohawk. O que fez com que ambos nos ríssemos.
Nesse momento, ouviu-se um estalar de um copo a partir no chão e quando olhamos para o nosso lado direito, estava lá a Quinn a olhar-nos chocada. O Puck pôs-me no chão de imediato e eu deixei-me cair porque já não sentia as pernas. De repente, senti vontade de vomitar e… vomitei. Fiquei ali uns segundos livrar o meu estômago daquele álcool todo que nem prestei atenção à Quinn e ao Puck, quando olhei para eles, ela gritava com ele:
- Ela está bêbada e tu estas a aproveitar-te dela, Puck! Sabes o quão mau e nojento isso é?! Não te vem nenhum “deja vu” à cabeça?!
Deja vu?
- EU NÃO ME ESTOU A APROVEITAR DELA!
- Não? Então a que é que chamas beijar uma rapariga bêbada?!

Ele não respondeu.
Ela abanou negativamente a cabeça:
- Tu não mudas mesmo, pois não?
Ok, eu não estava a perceber nada mas percebi que a Quinn tinha posto o dedo na ferida.
- Volta para a festa, Quinn – ordenou ele, virando-lhe as costas – Vou leva-la a casa.
- Achas que te vou deixar leva-la?!
- Que?! Não me digas que tens medo que a viole?!

Ela revirou os olhos.
- Bem me parecia – resmungou ele, pegando-me ao colo – Eu trato dela.
- Se fizeres alguma coisa, eu vou saber
– ameaçou ela.
Ele ignorou-a e andou comigo até um carro, que presumi que fosse dele. Ena, eu era assim tão leve para ele me carregar como se eu fosse um bebé?
- Estás bem? – perguntou, sentando-me no lugar de pendura.
- Não – gemi – E vou vomitar o teu carro.
Ele passou-me um saco para as mãos, sem dizer absolutamente mais nada. Estava mortalmente serio e parecia mesmo transtornado.
- E tu? – questionei – Estás bem?
Foi um erro abrir a boca pois mal o fiz, saiu-me vómito disparado em direcção ao saco.
- Onde moras mesmo, Cooper?
Disse-lhe a minha morada nova. Ele assentiu, colocando-me o cinto de segurança.
- Ok, vamos deixar-te em casa.
____________________________________________________________________________________

não gostei nada deste LOOOOL Suspect



Puckleberry ♥️
glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Bvfzs



Voltar ao Topo Ir em baixo
https://gleeportugal.forumeiros.com
AxeGirl
Cheerleader
Cheerleader
AxeGirl

Feminino Mensagens : 411
Data de inscrição : 17/07/2010
Idade : 27
Localização : Porto

Gleeks area
Personagem: Jesse St. James
Cover: Highway to Hell
Team: Jesse!

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptySex Ago 27, 2010 1:40 am

Opa nunca gostas do que escreves xD xD

Enfim...

No início fiquei meia pissed off porque a Claire bem podia ter feito o mortal...ou dar uma chapada à Santana *violent mode on*

E depois...

Party! xD

Aquela parte do Kurt a fazer um keg stand é de morrer a rir xD nunca antes o tinha imaginado numa situação dessas 0.o foi awesome!

O meu Jesse apareceu *.* e tu admitiste que ele foi sexy Razz Deu-me um beijo *.* foi na bochecha, mas se estivesse mesmo com ele derretia-me toda xD hahahahaha

A B. foi logo comer o other asian xD faz ela muito bem Razz ele não é nada de se deitar fora!

A Claire bebeda é weird, mas gostei daquela do carro voador Very Happy
E viva aos beijos de respiração descontrolada/selvagens/bebedos! xD


Quero mais ^^

Voltar ao Topo Ir em baixo
BabsBubblegum
Sex Master
Sex Master
BabsBubblegum

Feminino Mensagens : 992
Data de inscrição : 19/08/2010
Idade : 27

Gleeks area
Personagem: Rachel Berry ♥
Cover: I Feel Pretty/ Unpretty, Defying Gravity, Smile
Team: Faberry

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptySex Ago 27, 2010 11:20 am

Vamos por tópicos:
1- Adorei a Bárbara. Quero a Bárbara a roubar o Finn à Rachel rapidamente!
2- Awww, o Jesse é tão fofo *.*
3- O Kurt. Matou-me. ahah
4- Parva da Santana. Queria que a Claire tivesse logo feito o mortal para ela ficar caladinha.

Quero mais capítulos!
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://babs.blogs.sapo.pt
Coop.
I came in first place!
I came in first place!
Coop.

Feminino Mensagens : 1800
Data de inscrição : 13/07/2010
Idade : 27

Gleeks area
Personagem: Rachel.
Cover: "defying gravity", "beth", "don't rain on my parade".
Team: Puckleberry ♥

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptySex Ago 27, 2010 3:24 pm

OBRIGADA, às duas <3
Tadinha da Rachel, só lhe querem mal *cries*


Puckleberry ♥️
glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Bvfzs



Voltar ao Topo Ir em baixo
https://gleeportugal.forumeiros.com
BabsBubblegum
Sex Master
Sex Master
BabsBubblegum

Feminino Mensagens : 992
Data de inscrição : 19/08/2010
Idade : 27

Gleeks area
Personagem: Rachel Berry ♥
Cover: I Feel Pretty/ Unpretty, Defying Gravity, Smile
Team: Faberry

glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 EmptySex Ago 27, 2010 3:26 pm

Coop. escreveu:
OBRIGADA, às duas <3
Tadinha da Rachel, só lhe querem mal *cries*

A Rachel é a minha personagem preferida maaas, entre ela e a Bárbara, a Bárbara wins (mais não seja por ter o meu nome).
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://babs.blogs.sapo.pt
Conteúdo patrocinado




glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty
MensagemAssunto: Re: glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD   glee fanfic "starting over"  by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD - Página 2 Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
glee fanfic "starting over" by coop. - capitulo 7 (robots vs aliens) - NEW! :DDDD
Voltar ao Topo 
Página 2 de 5Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
GLEE PORTUGAL || fórum :: Fanzone :: FanFics-
Ir para: